E isso aí, cara, sou punk

E isso aí, cara, sou punk

Coitado do Tim, além de ter aprendido a aceitar a ausência do pai, ainda precisa conviver com uma mãe deprimida. Até que aparece Lenny. Um livro divertido, irônico e escrito em uma linguagem leve.